fechar

CHEGA DE ACIDENTES

O movimento

O movimento Chega de Acidentes!, apartidário, é uma ação lançada em 18 de setembro de 2009, por entidades com um histórico de lutas em prol da segurança no trânsito brasileiro: a ABRAMET (Associação Brasileira de Medicina de Tráfego), a ANTP (Associação Nacional de Transportes Públicos) e o CESVI BRASIL (Centro de Experimentação e Segurança Viária), que formaram um comitê organizador inicial do movimento, ao qual se juntou mais tarde, a AND (Associação Nacional dos Departamentos de Trânsito).

Missão

O movimento Chega de Acidentes! tem por missão reunir e mobilizar diversos segmentos da sociedade em prol da elaboração e implantação de um Plano Nacional de Segurança Viária, com metas (ambiciosas e factíveis) e prazos de redução de vítimas de acidentes, visando a um trânsito mais seguro no País.

Visão

Acreditamos ser possível uma mobilidade mais segura e mais humana, dentro e entre nossas cidades, com muito menos vítimas de acidentes de trânsito.

Acreditamos que o Brasil pode e deve estabelecer e perseguir uma meta ambiciosa e factível de redução de vítimas de acidentes de trânsito, para a década de 2011 a 2020, como recomenda a ONU (Organização das Nações Unidas).

Acreditamos que a redução de vítimas de acidentes de trânsito pode e deve ser uma das linhas de ações prioritárias dos três níveis de governo (federal, estadual e municipal).

Acreditamos ser inaceitável que os acidentes de trânsito continuem matando cerca de 37 mil pessoas nas cidades e rodovias e provocando a internação de outras 180 mil, por ano, com um impacto estimado em 34 bilhões de reais.

Acreditamos ser inaceitável que os acidentes de trânsito continuem como uma das maiores causas externas de feridos e mortos no País, ultrapassando a violência em diversos Estados, provocando forte trauma psicológico e impacto na renda de milhões de famílias brasileiras.

O movimento Chega de Acidentes! assume o compromisso de mobilizar a sociedade como forma de pressionar e pleitear a elaboração e implantação de um plano nacional de segurança viária. Este plano deverá conter metas e prazos para a redução de fatalidades, dentre outros indicadores.

Participe agora!

FONTE: www.chegadeacidentes.com.br

 

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Ainda sem avaliação)
Loading...

Deixe seu Comentário